Cadastrar
Esqueci minha senha
Usuário: Senha:
Logar
Você pode utilizar nossa busca por palavra chave ou utilizar os critérios ao lado para obter uma listagem.

Buscar
Buscar
Selecione o Estado Categoria


GASTRONOMIAHOSPEDAGEMINFORMAÇÕES ÚTEIS
Selecione a Cidade Sub-Categoria


Destaques

Em Breve!

Newsletter





Centro de Convenções de Foz do Iguaçu será concedido ao setor privado
Empresa vencedora da licitação deverá investir pelo menos R$ 25,4 milhões e terá o direito de explorar serviços por até 30 anos

Empresas ou consórcios capacitados a explorar a realização de eventos e a oferta de novos serviços na área do Centro de Convenções de Foz do Iguaçu (Ceconfi) têm até o dia 20 de março para protocolar propostas. Até o momento, a prefeitura municipal registra nove interessados em assumir o controle da área de 95,8 mil metros quadrados – localizada entre a Rodovia das Cataratas (BR-469) e o Aeroporto Internacional das Cataratas –, que vai passar para o controle da iniciativa privada por meio de edital já aberto.

O prazo de concessão será de 30 anos, com investimento mínimo exigido de R$ 25,4 milhões e execução das obras em até 36 meses. Vencerá a licitação a empresa ou consórcio que, além de observar os critérios técnicos previstos em edital, ofereça o maior volume de investimentos, acima do valor mínimo previsto para a concessão, maior lance sobre a outorga inicial, de R$ 1,08 milhão, e menor tempo de execução dos serviços.

Para o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, a localização da cidade, na tríplice fronteira, favorece segmentos como o turismo de eventos. “Conceder o equipamento turístico à iniciativa privada vai trazer mais competitividade para o destino Foz do Iguaçu, que vai passar a atrair mais turistas brasileiros e estrangeiros com a oferta de novos serviços e eventos no calendário da cidade. A experiência com concessões no setor turístico já é extremamente bem-sucedida com parques nacionais, e agora Foz nos mostra o quanto podemos avançar com esse tipo de parceria também no turismo de eventos”, avalia.

O atual gestor do Centro de Convenções, Anderson Kobus, ressalta que as condições do edital são muito atrativas. “Quanto maior for o investimento, menor será a outorga cobrada da concessionária. É uma ótima oportunidade de investimento”, explica. Ele destaca também que a área está liberada para diferentes usos, o que inclui investimentos em hotelaria, gastronomia, equipamentos culturais, atrativos turísticos, parques temáticos, entretenimento, centro comercial, lojas francas, além de outros serviços voltados aos congressistas e demais visitantes.

SOBRE O CECONFI – O Ceconfi foi inaugurado há 15 anos e tem como acionistas a Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu, a Paraná Turismo, o Fundo Geral de Turismo (Fungetur/MTur) e outros 49 acionistas minoritários do setor privado. Hoje, o espaço conta com uma estrutura que inclui três auditórios, um pavilhão de exposições, banheiros, área administrativa, além de estacionamentos coberto e aberto. A área construída, objeto de revitalização e investimentos, é de 31,8 mil metros quadrados; o espaço atual comporta eventos com até 15 mil participantes.



Fonte: http://www.turismo.gov.br


Selos

Turismo Agora - informações turisticas pelo fone: (53) 3228-3819.
Tire suas dúvidas rapidamente com nosso atendimento online 24 horas por dia.

Termos e condições de uso

Copyright © 2008 TRACKDATA