Cadastrar
Esqueci minha senha
Usuário: Senha:
Logar
Você pode utilizar nossa busca por palavra chave ou utilizar os critérios ao lado para obter uma listagem.

Buscar
Buscar
Selecione o Estado Categoria


GASTRONOMIAHOSPEDAGEMINFORMAÇÕES ÚTEIS
Selecione a Cidade Sub-Categoria


Destaques

Em Breve!

Newsletter





Guia de bordo: como não fazer feio na primeira vez em um cruzeiro
Viajar de navio é uma experiência singular. E isso pode ser muito bom.

Em um transatlântico, você viaja como se fosse uma tartaruga, ou seja, com a casa nas costas. Mas esta casa, além de dispor de quarto e banheiro (e, em alguns casos, até de uma agradável varanda), vem também com uma megainfraestrutura a reboque.

Nos navios mais modernos, o passageiro conta com shopping, restaurantes das mais diversas especialidades, piscinas, academia, bares, teatros, cinema, boates e cassino, entre outras coisas.

Com tantas tentações a bordo, não é difícil queimar a largada, tentar aproveitar tudo logo no primeiro dia e, ao final do segundo, acordar se sentindo como um daqueles personagens do filme “Se beber, não case”, ou seja, com uma baita dor de cabeça e sem se lembrar muito bem do que aconteceu na noite anterior.

Pensando nos marinheiros de primeira viagem em transatlânticos, listamos algumas dicas do que você pode fazer durante as primeiras 48 horas. É tempo suficiente para descobrir como ele funciona, identificar as principais atrações e descobrir seus lugares preferidos.

Dia 1

É inevitável e necessário, apesar de o espírito explorador de Indiana Jones que vai baixar em você, dedicar os primeiros momentos num navio a conhecer suas regras de segurança. Logo no início, os novos passageiros são convidados a participar de um exercício de emergência, no qual vão se familiarizar com as regras do navio. Quem faltar ao treinamento correrá o risco de receber uma advertência por escrito do comandante (ou capitão?) cobrando a sua presença.

Não importa se o embarque é durante a manhã ou à tarde, uma coisa é certa: a saída de um porto é sempre emocionante. Então, aproveite a vista da cidade que está ficando para trás enquanto o navio deixa o porto. Se for durante a tarde, como no nosso caso, aproveite para tomar uma drinque e se prepare para o jantar a seguir.

Bom apetite

É hora de se arrumar para o primeiro jantar a bordo. Embora em muitos casos não haja uma imposição de traje, melhor não se arriscar com sandálias Havaianas, bermuda e camisa florida. Tanta informalidade pode fazer você se sentir um estranho no ninho. Sobre o jantar propriamente dito, escolha o de sua preferência, entre várias especialidades, ou relaxe e aproveite as várias opções de combinação num bufê.

Após o jantar, se o cansaço do dia ainda não tiver te derrubado, pode dar uma passada na boate. Mas cuidado para não se animar muito e passar da hora já no primeiro dia.

Dia 2

Bom dia para quem dormiu cedo e acordou disposto a conhecer a primeira parada do cruzeiro. Portanto, capriche no café da manhã, vista seu melhor traje de explorador e passe o dia conhecendo o local e a cultura do lugar, que pode ser Salvador, no Brasil, ou Roma, na Itália. Aproveitar as comodidades do navio pode ser muito bom. Mas não se deve desperdiçar a chance de visitar uma das cidades do roteiro. Afinal, é a alma do negócio.

Se você tem experiência em desbravar lugares desconhecidos, monte seu próprio roteiro e vá por conta própria. Caso contrário, pode valer a pena contratar uma excursão dentro do navio. Em apenas um dia, é impossível conhecer totalmente um lugar, claro. Então, foque nas atrações principais, reservando um tempo para uma pausa para a alimentação no meio do passeio.

Na volta para o navio, se ainda houver energia e você for do tipo fitness, que fica com peso na consciência de passar um dia sem dar uma corridinha na esteira ou fazer um supino, não se preocupe. Os grandes navios contam com academias superequipadas e com áreas externas, no caso de você querer suar bastante. Caso opte por descanso e relaxamento, um banho de piscina pode cair muito bem. E se estiver acompanhado de crianças, elas vão adorar.

À noite, todos os gatos…

É hoje! Como você já se comportou bem na noite passada, nesta as portas da diversão estão abertas esperando pela sua presença. Tome um banho, relaxe por uns 30 minutos na cabine, capriche no visual e se entregue à noitada.

A maior diversão

Se a sua índole lhe permite torrar uns reais no cassino, esta é uma boa pedida para, digamos, abrir o apetite. Para muitos passageiros, arriscar-se nas máquinas caça-níqueis ou nas roletas pode significar garantir o orçamento para a balada mais tarde. Mas é prudente não se empolgar muito. Se o seu negócio é compras, não se preocupe. Os navios tem shoppings e alamedas de lojas com as marcas mais conhecidas. Agora, se o seu negócio é cultura, com especial apreço por cinema, teatro e espetáculos variados, bingo! Basta conferir a programação e escolher a atração. Os cinemas e os teatros desses navios não devem nada às melhores casas do Brasil no quesito estrutura.

Música, maestro

Parabéns, se você chegou até aqui inteiro, merece um prêmio. Claro que a cama é sempre uma ótima opção, mas se o negócio é dançar, é só escolher. Música italiana, rock bar, hits pops ou disco. Vá em um deles ou, melhor, passe por todos e acabe na pista com o DJ até o sol raiar.



Fonte: http://www.osul.com.br


Selos

Turismo Agora - informações turisticas pelo fone: (53) 3228-3819.
Tire suas dúvidas rapidamente com nosso atendimento online 24 horas por dia.

Termos e condições de uso

Copyright © 2008 TRACKDATA