Cadastrar
Esqueci minha senha
Usuário: Senha:
Logar
Você pode utilizar nossa busca por palavra chave ou utilizar os critérios ao lado para obter uma listagem.

Buscar
Buscar
Selecione o Estado Categoria


GASTRONOMIAHOSPEDAGEMINFORMAÇÕES ÚTEIS
Selecione a Cidade Sub-Categoria


Destaques


Newsletter





Hard Rock Hotels inaugura complexo radical e primeira pista de esqui indoor do Caribe

Cavalgada ao vulcão Terevaca, topo da ilha de Páscoa

A Incursão à montanha mais alta da ilha leva em torno de três horas (ida e volta) a cavalo. Para chegar lá e ver o espetáculo em toda sua grandeza – com o perdão do trocadilho – demoramos um pouco mais. Isto porque a paisagem é estonteante, paramos para as fotografias e pela falta de prática em lombo de cavalo.

A experiência une a vivência rural do interior de Rapanui, trechos de terras aradas e já prontas para o plantio, bosques de eucaliptos, vacas, bois e cavalos pastando em sua tranquilidade de roça. A cavalgada ao vulcão Terevaca é oferecida por várias agências de receptivo e custa em média 55 dólares.

Subindo

A velocidade da subida é moderada e os guias sabem como manter os cavalos tranquilos assim como os cavaleiros debutantes, ou nem tanto. Trilhas em terra, ladeiras em pedra e vegetação rasteira não inibem os cavalos, todos, dóceis como os animais domésticos criados em casa.

No alto, a visão de toda a Ilha, em 360º. Do lado oeste, a pequena cidade de Hangaroa, com seus quatro mil habitantes, ancorada na ponta da Ilha. Do lado sudeste, a montanha Rano Raraku onde eram lapidados os Moais. E ao norte, o azul marinho do Oceano Pacífico com sua linha exatamente reta dividindo o mundo em dois. Acima, um azul celeste infinito com nuvens delgadas, esgarçadas, disformes contrariando o impecável risco do mar.

Descendo

Na descida a paisagem era a mesma, sem ser igual, parecida, sem ser idêntica. A vista alongava-se e tinha o céu e o mar como o não-limite. O grande presente do retorno foi a aeronave do voo diário Santiago-Ilha de Páscoa chegando à ilha. Uma ave tecnológica integrando-se ao habitat longínquo.


Fonte: http://diariodoturismo.com.br


Selos

Turismo Agora - informações turisticas pelo fone: (53) 3228-3819.
Tire suas dúvidas rapidamente com nosso atendimento online 24 horas por dia.

Termos e condições de uso

Copyright © 2008 TRACKDATA